Image Map

08/11/2009

Christiane Torloni nos Bastidores da peça " A Loba de Ray-ban "









Cenas da peça ...



" Você já viu o substituto do Ronaldo ?"
" Não estou morrendo de curiosidade."
"Ele é demais!"
"Tanto assim ?"
"Eu disse demais !"
"Como ele se chama ?"
"Paulo...Paulo Prado!"'
"Paulo! "



Paulo : (Marat) ( Franco, Febril) : "A febre me deixa tonto
minha pele se incendeia, dilacerada
Simone!
Simone, embebe o pano na água fria
refresca a minha frente na brasa.
Parece que tudo perdeu o sentido
Tudo que eu disse foi pensando,
meus argumentos exprimiam só verdade.
Por que essa dúvida agora ?
Por que tudo parece tão inútil?
Falso...inútil...falso..."

Júlia : " Você me tomou de assalto, me apaixonei pro você ali, naquele instante! Você era forte ... viril ... e ao mesmo tempo frágil... você me tocou ... é isso, você me tocou!"



Júlia : " Eu era Medéia, abandonada por Jasão, o meu homem, o pai dos meus filhos; preterida por uma mulher mais jovem e poderosa : a filha do Rei. E tonta de ódio e de ciúme, mas ainda presa àquele macho pelo desejo enfurecido de uma loba, compreendi Medéia, pela primeira vez ,depois de duzentas apresentações! Entendi o quanto pode ser bom matar, dar a morte de presente a quem traiu um amor jurado "







" Meu DEus, o que foi que eu fiz ? Me perdoa Paulo! Eu humilhei você diante deles ! Fiz trapaça amor, jogo sujo!Não tive coragem de pronunciar o nome "dela" em público. DE revelar quem era a dona da minha dor. O preconceito fez mordaça e calei na garganta o nome dela, quando o que eu queria era gritar, falar, contar tudo a todos os presentes.. explicar que .. um pouco antes do primeiro sinal eu estava no camarim, terminando a maquilagem de 'Medéia" quando ela chegou e ....."



" Deixa que eu te fale de nossa arte, que mal há nisso ?Depois recusa tudo, se quiser. Mas não fuja da raia antes do tempo. Por favor, estou pedindo! O que é que você quer que eu faça ? Que me ajoelhe? Que implore? O que mais você quer que eu faça ? "




"Ah, meu Estragon! Será que você se sentia tão abandonado quanto eu enquanto esperava Godot? Não sei ...Guardo para sempre a imagem de Cacilda : desamparo e solidão! ( A campainha começa a tocar insistentemente) Já vai! Já vai! Pronto! Só um pouco de base no esparadrapo, blush na gaze e muito pó no mercúrio cromo...assim...e lá vamos nós!
[...]Não vá embora menina ! Você não pode sair assim como quem nunca esteve..."





Júlia : Paulo eu não admito ! Você ...

Paulo : " Tem que admitir sim ! Fui ferido pelo amor de vocês e me vinguei como sabia. Quem dá, quem come ? Eu peço desculpas, mas daí admitir que você fique lacrimejando auto-piedade e ouvindo a moça a lastimar a condição trágica das lésbicas, isso já é pedir demais ! Logo Você , Júlia, que passou os últimos dez anos me apregoando o fascínio da marginalidade, , a inspiração da loucura! ' Você não me conhece ,Paulo, sou muito mais louca do que você imagina ..." ah (ri) Francamente! Que vergonha de cena! Que foi? A Clandestina virou penitente? "

Paulo para Fernanda : Olha, mocinha , não acreditei numa palavra de seu discurso; me pareceu uma bela desculpa para puxar o carro.. e por uma razão simples : Você não ama mais minha mulher."



Júlia : Paulo, vamos parar por aqui, está bem? Vamos parar!

Paulo : Não ama porra nenhuma! Se amasse, não haveria velhinha capaz de impedir nada! Era só o que faltava! Deixar de viver uma paixão por causa de uma velhinha ..."


Júlia : Paulo !

Paulo : Não! É demais Olha aqui, Se a tal Senhora ajuda a garotona, tudo bem ! Todo mundo sai lucrando! A garotona precisa, recebe e paga como a velhinha quer: trepando ou até dando um certo carinho, quem sabe ? E se a anciã tem tempo para ficar por aí pelos banheiros das boites, ótimo! É porque está bem de vida, rica , aposentada, e não precisa trabalhar. E tudo bem do mesmo jeito !



"Você é uma caixinha de surpresa, Paulo ! Me fale mais dessa velhinha "
"Da solidão da velhinha ?"
"É"
" igual..."
"O quê ?"
"A que todo mundo sente. Até aquele marido bem normal, 'bodas de prata', filhos e netos, mas que sai de casa disfarçando negócios para gastar uma puta grana nos "Relax for Men", comendo as massagistas japonesas de preferência . Porque em casa o tesão acabou e não suporta mais a mulher e todo o resto "



Júlia : E se eu lhe pedisse para ficar ?

Paulo : Não... não ficava não. Confesso que quando voltei ao teatro, esta noite, esperava que você pedisse isso. Queria ficar sim ! Já tinha ficado por dentro. Mas agora não! Se pelo menos um dia da nossa relação eu me sentisse amado com a intensidade com que essa moça foi, aqui na minha frente! Se tivesse ouvido o que ela ouviu! "Não vá", "Não fuja", "Não me proíba de você" ...

Júlia : Paulo , é impossível que você não tenha percebido que eu sempre ....

Paulo: Me amou ? Pode ser ... deve ter me amado. Não percebi ... amou... não ama mais .. ficou no passado. O presente é Fernanda . [...]

Júlia : Olha , eu quero ...

Paulo: Não queira não! Hão há mais quereres para nós. Agora é partida .....[...]

Júlia : Paulo eu ...

Paulo : Não peça desculpas... até podemos dizer que fomos felizes . Do nosso jeito , mas fomos. E é assim com todo mundo . "Há sempre um jeito, um modo... Não me arrependo de nada, não perdi tempo, nem joguei minha vida fora, como costumam dizer os casais que se separam. Não! Nosso tempo foi rico, me fez ator, cresci, aprendi, amei, sofri... Quem sabe não sofreria mais como personagem de uma outra história? O que eu queria dizer é que foi muito bom o tempo que nos foi dado . Adeus, amor ! Você deve ter me amado sim! Seria loucura minha sair daqui com a sensação de deixar para trás o grande amor de minha vida, a mulher que ainda amo! É assim que eu sinto, Júlia. Desculpe, mas ainda te amo.

Fonte : UOL

3 comentários:

Anônimo disse...

quem está nu nessa foto o.o

Anônimo disse...

Pelas as fotos da pra ve q a em si é linda.Nao perco por nada.

Mary Jo disse...

Meu Deus.. Adorei.. O texto final ate me arrepiou.

CHris por favor, IMPLORO, traz a LOBA a Portugal!!!

Meninas rezem para que venha cá para eu poder ver, sim???

beijossssss