Image Map

24/07/2010

Christiane Torloni: "Melhor ser loba do que ser velha"

A atriz estreou a polêmica peça "A loba de Ray-Ban", no teatro Carlos Gomes, no Rio


A atriz estreou a polêmica peça "A loba de Ray-Ban", no teatro Carlos Gomes, no Rio, cercada de amigos na plateia. Em cena, Torloni interpreta Julia Ferraz, uma atriz veterana em meio a uma crise pessoal. A chegada do ex-marido Paulo (vivido por Leonardo Franco) desencadeia um embate entre os dois, que ganha contornos mais dramáticos quando entra em cena Fernanda (Maria Maya), a jovem namorada de Júlia. Um romance homossexual é o combustível para o desenrolar da história.


Em plena forma física, a atriz, de 53 anos, contou que a estreia no Rio de Janeiro é a mais sofrida. "O trânsito é um caos, as pessoas não conseguem chegar, o jeito é atrasar a peça em meia horinha e fica tudo certo". Quanto à polêmica fase da Loba, Torloni não parece se importar com idade. "Depois que passa dos 50 acabou né, vira loba, mas é melhor ser loba do que ser velha", brincou.


Torloni e Maria Maya já viveram mãe e filha na televisão - em 2009, na novela "Caminho das Índias", e agora representam, pela primeira vez em palcos cariocas, "A loba de Ray-Ban". Após 80 apresentações pelo Brasil, a estreia da peça dirigida por José Possi Neto reuniu famosos na plateia do Teatro Carlos Gomes, no Centro do Rio de Janeiro.


A expectativa entre os convidados era grande. "Tentei assistir no Festival de Curitiba, mas não consegui convite, nem acredito que eu estou aqui", brincou o ator Sidney Sampaio. "Tenho certeza que vou chorar bastante, pode ser de alegria ou de tristeza, mas vou chorar de qualquer jeito porque a Christiane Torloni é o máximo!", disse Luiz Carlos Mieli, antes da apresentação.

Após o espetáculo, Maria Maya procurava atônita pelo pai, o diretor de TV Wolf Maya. "Fico muito mais nervosa quando meu pai está na plateia do que quando tem crítica. Estou louca para saber o que ele achou", disse a atriz. Mas, para sua tranquilidade, seu desempenho foi aprovadíssimo pelo pai. "A gente tem o lado coruja e o lado artista, mas ela realmente estava ótima", disse ele.

Aparecida Petrowky, que havia negado o namoro com o ator Paulo Vilela, desfilava de mãos dadas com o rapaz. Adriana Birolli foi acompanhada do ator Bernardo Segreto, mas fez questão de frisar que os dois eram apenas "bons amigos", mesmo não conseguindo esconder o clima de romance que pairava no o ar.

Lucinha Lins, Raul Gazolla, Eva Todos, Xuxa Lopes, Matheus Rocha e Bruna di Tulio também foram conferir a estreia.


Assista ao vídeo - RJTV Agenda da peça A Loba de Ray-ban


Fonte : Ig . Contigo

Nenhum comentário: